O que faz um vendedor e quais as habilidades essenciais?

Ser vendedor é mais que ofertar, mais que estar ali para dar informações ou ficar atrás de clientes em potencial. Esse artigo, pode mudar a sua visão sobre o ato de vender e mostrar o quanto um vendedor precisa se desenvolver para atingir objetivos financeiros escaláveis. Veja como!

O que é e o que faz um vendedor?

O vendedor é o profissional responsável por interpretar o que o cliente procura e adequar todas as informações relevantes em uma comunicação persuasiva, de maneira que mostre o melhor do produto ou serviços e evidencie as características primordiais para a solução do problema.

Quais as variações de vendedor?

Uma empresa costuma ter vários setores, e isso facilita que vendedores se destaquem por algumas distinções. Existe o vendedor, consultor, assistente de vendas e outras formas de identificação. Saiba como treinar a sua equipe de Vendas!

Quais as variações de vendedor
Fonte/Reprodução: original.

O que muitos não enxergam, é que todos nós somos vendedores, seja você um empresário ou trabalhador de uma empresa. Você precisa se vender para ser aceito e convencer seu cliente a fechar negócio.

Habilidades essenciais para um bom vendedor

Ser um vendedor é juntar várias qualidades em apenas um profissional. Já que inúmeras habilidades são necessárias para lidar com o público e chegar até ao seu objetivo final. A seguir, confira os principais requisitos que levam esse profissional a obter maior sucesso em vendas.

Boa dicção

O ato de falar e explicar com clareza facilita que a compreensão do cliente seja mais fácil. Treine sua forma de pronunciar as palavras, faça pausas se necessário e treine antes de uma reunião, caso tenha dificuldade.


Comunicação assertiva

Independente de sua competência exemplar, todos nós estamos em busca de uma solução para o que nos aflige. Ou seja, foque em solucionar, dê ênfase as partes do seu discurso que são essenciais para resolver o problema em questão, foque no outro, e não em você.

Conhecer o produto ou serviço que está vendendo

Além de manter a boa comunicação e saber nos pontos que deve focar, você só conseguirá fazer isso se estudar bem o que oferece. Saiba as características, benefícios, mecanismo de ação, valor, e outras informações que te ajudam no fechamento da venda.

Área de atuação

O vendedor deve estar onde o público-alvo se encontra, seja no telefone, e-mail, redes sociais, loja ou qualquer outro lugar. O importante é saber onde as pessoas que têm interesse no que você oferece estão para abordá-las de maneiras assertiva.

Aprimorar suas técnicas de persuasão

Todos os elementos acima são necessários no seu pacote de habilidades para você se tornar um bom vendedor. Mas, é óbvio que qualquer profissional excepcional continua sua jornada de aprimoramento, já que esses são apenas fundamentos que você precisa aperfeiçoar constantemente.

A persuasão deve ser uma aliada inseparável, pois ela ajuda a elaborar propostas de vendas e eliminar inúmeras objeções. Por esse motivo, existem livros sobre copywriting, rapport, mindset e outros que te ajudarão a se tornar um bom vendedor. A área de vendas é vasta, então não se limite! Obtenha cada vez mais recursos e habilidades que serão essenciais para o seu desenvolvimento!

Veja 7 livros que você precisa conhecer para ser um bom vendedor!

Dicas para ser um bom vendedor

Nos tópicos acima, abordamos algumas qualidades que um vendedor precisa ter. Mas você não precisa ficar preocupado se ainda estiver no início, nem tudo é talento, é possível melhorar suas habilidades com dedicação e estudo com as dicas abaixo de como ser um bom vendedor:

Conheça seu cliente

Já viu alguém vender uma caneta para uma pessoa na frente de uma casa de festas? Acredito que não. E vender uma caneta na frente de uma escola ou faculdade no dia do ENEM? Acredito que já. Isso reflete de forma exemplificada o porquê você deve conhecer o seu cliente.

Saber onde ele está, do que precisa, quais seus hábitos e problemas que ele possui é fundamental para oferecer o produto/serviço certo. Mesmo que pareça simples, esse é um grande fator de diferenciação para os bons vendedores.

Conheça as necessidades do seu cliente

Seguindo o exemplo anterior, se você é um vendedor de canetas, sabe que o estudante precisa desse instrumento para fazer anotações, responder provas e assinar documentos.

Conheça as necessidades do seu cliente
Fonte/Reprodução: original.

Além disso, você sabe que a chance de um estudante sair atrasado no dia de uma prova importante é grande, e que provavelmente ele pode esquecer seu instrumento básico para fazer a prova por causa do nervosismo. Com certeza ele vai se desesperar, já que ideia de ele perder o vestibular por causa de um “erro bobo” dói muito. Mas, como você conhece as necessidades do seu cliente, estará lá com as duas opções de canetas que são utilizadas: a caneta azul e a preta.

Tenho certeza que nesse momento a compra é garantida de forma rápida e simples. O seu cliente terá gratidão por resolver uma dor grande e você poderá aproveitar um ótimo lucro. As vezes, até mesmo um objeto tão comum quanto uma caneta pode se tornar valioso se apresentado da forma correta e na hora certa para a pessoa que necessita daquilo.

Empatia

Lidar com outras pessoas completamente diferentes requer paciência e empatia, ainda mais se envolver uma situação difícil para quem está em busca de ajuda.

Tente ao máximo compreender a necessidade da pessoa, acalme-a e trate da forma que gostaria de ser recebido nessa situação.

Muitas vezes, as pessoas preferem pagar mais caro pela boa experiência do que pagar mais barato e obter um atendimento de má qualidade. Atente-se a esse fator e use ao seu favor!

Saiba como apresentar a proposta

Uma boa proposta é composta por alguns pilares importantes, como: problema, solução, oferta e CTA. Outros pilares podem estar inclusos, mas no geral utilizamos esses.

Organizar a proposta na ordem estratégica é o ponto mais importante. Ao conhecer o seu cliente, extraia todas as informações que lhe ajudaram a montar sua apresentação, depois, foque em criar uma história que prenda a atenção, destaque as soluções para os problemas que o cliente deseja resolver e finalize com uma oferta irresistível.

Em sua oferta, é possível adicionar condições especiais, bônus e qualquer vantagem no ponto de vista do consumidor.

Conduza a negociação

Escutar e extrair informações é muito importante, mas é preciso conduzir a negociação de forma branda e sem demostrar agressividade ou desespero para vender. Escute, mas seja rápido para responder às objeções e voltar ao ponto em que estava anteriormente.

Se necessário, informe antecipadamente que irá apresentar primeiro e terá um horário específico para tirar todas as dúvidas, assim, evita muitas pausas e perda de raciocínio.

Conheça as melhores técnicas de negociação e descubra como utilizá-las na sua empresa!

Use Follow Up de vendas

Nem todas as pessoas entendem como o follow up pode ajudar a longo prazo. A venda, ao obter o primeiro contato com o consumidor, possui um índice baixo de conversão, o que se torna um desperdício deixar que essas pessoas saiam da sua página sem criar um vínculo com o que você oferece.

Mais do que vender, você oferece uma solução, então, se aproxime desses clientes desde o primeiro contato ao capturar e-mail, pedir para seguir ou te acompanhar de alguma forma. É essencial o monitoramento de seu funil de vendas para nutrir seus clientes e fazê-los comprar futuramente.

Cultive o compromisso do cliente

Durante todo o processo da venda é necessária uma boa comunicação, certo? E dentro dessa apresentação de proposta, você cria uma conexão e pode fazer perguntas ao seu cliente.

Essas perguntas devem ser estratégicas, estruturadas em forma de compromisso. Informe as condições e peça um retorno. Exemplo: Essas são as condições, você promete que vai me responder até sexta-feira? Quer marcar um horário para tirar suas dúvidas em uma ligação às 15 horas essa tarde?

São perguntas simples que geram um compromisso e permitem que você conduza a sua venda ou até mesmo descarte as pessoas que demonstraram que realmente não têm interesse no produto ou serviço.

Essas foram as dicas do post de hoje! Acompanhe os demais conteúdos do canal e não perca nenhuma gota de aprendizado para os seus resultados. Confira os demais artigos!

Compartilhe:
cnpj-biz-news

cnpj-biz-newsletter

Insights relevantes para auxiliar o crescimento da sua empresa:

    Deixe um comentário

    logo-cnpj-biz-blog

    © 2022 CNPJ BIZ, Todos Direitos Reservados.

    Você já conhece nossas redes sociais?!