Como vender mais em 2022? 9 Dicas de vendas para empresas inteligentes

Vender sempre é objetivo principal de qualquer empresa, não importa o seu ramo ou tamanho, logo todas as dicas de vendas são preciosas para o crescimento dos negócios. O ano de 2022 traz consigo muitas perguntas e incertezas, mas também expectativas e ânimo.

Todo ano, já é de praxe que uma empresa separe um tempo para avaliar os processos do ano anterior, o transcorrer de estratégias, o balanço financeiro, entre outros. Com o setor de vendas essa análise é ainda mais intensa, pois é com vendas que a empresa se torna capaz de levantar receita para que sobreviva e cresça, isto é, cumpra o seu propósito.

Seguir as dicas de vendas para criar planos de ação a cada ciclo do ano é a chave para que as empresas sejam inteligentes para se manterem equilibradas em um mercado cada vez mais competitivo. Neste caso, as conversões devem ser percebidas como mera consequência de uma colaboração massiva e integralizada entre cada setor.

Mas o que a sua empresa pode fazer para ter um volume maior de vendas neste ano?

Veja a seguir quais são as nossas dicas de vendas para alavancar o seu negócio durante o ano com base nessas estratégias. Conheça mais sobre como tirar vantagem da sazonalidade, datas comemorativas e o que fazer para fidelizar clientes!

Confira os tópicos ou navegue através dos links diretos:

    Estratégias de vendas para todo o ano: como se organizar?

    Engana-se quem diz que vendas se resumem ao ato de vender para um cliente, isto é, de convencê-lo a adquirir um produto ou serviço. É mais correto afirmar que a argumentação do vendedor, a qual é seguida da conversão, é o ápice do processo de vendas.

    Isso mesmo, as vendas devem ser entendidas como um longo processo, não é à toa que é chamado, no marketing digital, de funil de vendas.

    Estratégias de vendas para todo o ano como se organizar
    Fonte/Reprodução: original

    É preciso ter muita organização antes de tudo, ou de outra forma as dicas de vendas não funcionam. As estratégias a seguir devem ser implementadas sempre com base em dados coletados dos clientes e do mercado no qual sua empresa atua.

    Tanto as vendas quanto o marketing operam fundamentados em levantamento de dados e análises profundas. Por mais que as dicas de vendas sejam universais, em um sentido, é preciso lembrar que cada empresa tem a sua cultura, a sua necessidade, o seu modo de operar.

    É preciso captar a essência das dicas de vendas mostradas e encaixá-las à realidade de sua empresa. A seguir, você verá como: conhecer o público; treinar a equipe; usar o marketing em canais diversos; fidelizar o cliente; e como ter presença nas redes sociais.

    Conhecer seu público alvo

    Conhecer a fundo o público-alvo da empresa é como colocar o destinatário correto em uma carta. Sem o destinatário certo, a carta chega em mãos erradas e a mensagem não é transmitida. Essa analogia funciona para as dicas de vendas, pois sem o cliente interessado, não é possível transmitir (vender) o produto ou serviço.

    Uma empresa cria produtos ou serviços que servem para atender demandas de pessoas. Se a empresa não descobre qual o tipo de pessoa que precisa do produto ou serviço, como é feita a venda? Nem o vendedor chega até esse cliente, nem o cliente tem a sua demanda atendida. É impossível vender nessas condições.

    Uma empresa inteligente estuda o público para criar produtos e serviços que solucionem status, dores e problemas que tornem o público-alvo em clientes fiéis.

    Quando não se estuda o público, todas as estratégias de marketing e venda estão fadadas ao fracasso. Assim como o produto é feito para pessoas específicas, a divulgação e o argumento de venda também.

    Diferença entre dor e desejo do seu cliente

    Ainda no assunto do público-alvo é preciso diferenciar os conceitos de dor e desejo. De fato, a dor e o desejo são complementares, em polos opostos.

    Quando o cliente sente os efeitos da falta de um produto, dizemos que ele experimenta a dor dessa falta.

    Por outro lado, quando ele sabe do bem, do prazer que o produto o trará, isso se refere ao desejo.

    O desejo é uma sensação positiva, ligada à aquisição de um produto. Já a dor é uma sensação negativa, ligada à falta de um produto. As boas dicas de vendas orientam para que uma empresa aja de maneira a despertar ambas as sensações no cliente, uma vez que são complementares.

    Dessa forma, ao equilibrar a dor e o prazer do cliente as empresas conseguem aumentar os resultados em vendas

    Aposte no treinamento da equipe de vendas

    O treinamento é uma das dicas de vendas que, entra ano e sai ano, permanecem atuais. Como o mercado sempre apresenta novidades, é importante ter uma equipe de vendas antenada para agir.

    Aposte no treinamento da equipe de vendas e suas metas
    Fonte/Reprodução: original

    Quando a empresa treina o funcionário, por melhor que ele já seja, é importante para que ele entenda a cultura da empresa e saiba a melhor forma de argumentar com o cliente. Conhecer o produto, entender a diferença entre dor e desejo, estudar o público e humanizar o atendimento são algumas formas de melhorar o processo de vendas.

    Ademais, a criação de metas ajuda a manter a equipe ativa, onde os colaboradores mais empenhados são recompensados por seus esforços. Mas, para isso, a empresa inteligente deve implementar um sistema de comissão que seja justo e premie aqueles que mais convertem resultado.

    Contornando objeções de vendas do cliente

    Durante o discurso da venda, e da atenção de um cliente interessado, podem surgir objeções, que são os impedimentos que o próprio cliente coloca para evitar fazer uma compra da qual se arrependerá.

    As objeções mais comuns dizem respeito à confiança, onde o cliente não acredita que o produto irá solucionar seu problema. Outra objeção comum é o valor, onde o cliente não relaciona o preço com o valor do produto.

    Mais uma objeção é a urgência, uma situação onde o cliente até quer o produto, mas não imediatamente a ponto de comprar.

    Por fim, existe a objeção da necessidade, que ocorre quando o cliente não percebe que tem um problema.

    Utilize métodos estratégicos de negociação

    Essa etapa ocorre logo após o vendedor derrubar as objeções. Muitos negligenciam uma boa negociação e acabam por fechar negócios que só é vantajoso para um dos lados. Nessa etapa são decididas as condições de pagamento e até valores.

    É preciso, em meio a negociação, mostrar ao cliente que a obtenção do produto ou serviço é vantajosa para ele e para a empresa que deseja vender.

    O método estratégico de negociação serve para que ambos os lados saiam beneficiados, mas principalmente para que o cliente perceba isso com clareza.

    Sazonalidade e datas comemorativas: como tirar vantagem?

    Essa é uma das dicas de vendas onde a empresa pode integrar vários setores diferentes de maneira inteligente, como por exemplo: o setor de compras, de marketing e de vendas.

    Nas empresas, é comum que haja um período no ano em que as vendas aumentem consideravelmente. Antes dessa época chegar, já deixe tudo preparado com estoques maiores, equipe de marketing engatilhada para lançar anúncios, conteúdos, captura de leads, etc.

    O fluxo de caixa também deve ser planejado para que os dias das maiores saídas reflitam os dias das maiores entradas.

    Já as datas comemorativas podem ter tudo a ver com o perfil da empresa, com os produtos vendidos e o público selecionado. Seja inteligente e antecipe os planejamentos para aproveitar essas datas. Faça campanhas, promoções, ofereça vantagens e apronte o estoque.

    Divulgação dos produtos e testes em novos canais de comunicação

    Todo ano, novas oportunidades de implementar mais dicas de vendas se apresentam. Aproveite o início do ano para buscar novos canais, como as redes sociais, sites, pontos de venda em magazines, apps de mensagem, entre outros.

    Trabalhe a fidelização do cliente com pós-venda

    Um erro bem comum de empresas comuns é finalizar o relacionamento com o cliente após uma venda fechada. Mas, uma empresa inteligente acompanha esse cliente mesmo após a conversão da venda.

    Basta pensar que esse cliente pode retornar, pode indicar a empresa para outras pessoas ou até mesmo entregar um feedback decisivo para o negócio. Além disso, o pós-venda mostra ao cliente que a empresa se importa com sua satisfação de forma genuína, abrindo espaço para uma nova fase de relacionamento.

    Tenha presença online e interação nas redes sociais

    Entre todas as dicas de vendas mostradas, essa é uma das mais urgentes. Uma empresa que não tem presença nas redes sociais está fadada a vender cada vez menos, porque hoje em dia, a maioria das pessoas usa as redes sociais por horas, diariamente. É o lugar onde estão, se informam, interagem com pessoas e marcas.

    Ter presença nas redes é o mesmo que estar onde o cliente está. Ademais, além de vender, a empresa inteligente usa as redes sociais para que as equipes de marketing extraiam informações sobre o público, criem estratégias e mantenham as pessoas engajadas com o propósito da empresa.

    Fazer publicações, usar stories, incentivar o compartilhamento e responder comentários sempre, são algumas das ações que uma empresa com presença online pratica diariamente.

    Faça prospecção ativa de clientes e Follow-up de vendas

    Essa é uma das dicas de vendas que parece tradicional, pois lembra as antigas, inconvenientes técnicas de telemarketing. No entanto, hoje em dia, a prospecção ativa ganhou novos ares.

    Esse tipo de técnica de vendas é menos sutil do que o marketing de conteúdo, pois faz uma abordagem direta do cliente com uma oferta interessante. Para que funcione, é preciso saber encontrar um cliente potencialmente interessado, e para isso é necessário se referir ao método de análise do público-alvo.

    Já o follow-up significa acompanhar o cliente, mesmo quando a venda não foi fechada na primeira tentativa. Se o cliente deixou uma abertura, o ideal é que o vendedor entre em contato pelo menos quatro vezes. Essa é a média de acompanhamentos até uma conversão, de acordo com as estatísticas.

    Muitos vendedores não têm um follow-up com boa estrutura, e acabam por fazer ligações em excesso para o mesmo cliente, ou deixam de ligar para clientes bem interessados, simplesmente por falta de organização. Sendo assim, o follow-up é uma combinação de persistência com método.

    Como montar um Mailing de clientes?

    Uma das melhores dicas de vendas que existem para o ano de 2022 é adiantar o volume de contatos através de um mailing de clientes, o qual se define em uma lista de contatos, com telefone e e-mail de pessoas que podem se interessar pela oferta da empresa.

    Mas, atenção! Para que o mailing de clientes seja útil, é necessário segmentar os contatos, isto é, separar aqueles com maior potencial de conversão. Isso é conseguido ao captar leads, através dos vários canais que a empresa usa. Contudo, a captação de leads pode ser lenta e improdutiva se eles não estiverem realmente interessados no seu produto/serviço.

    A solução para conseguir um mailing de clientes qualificado está na CNPJ Biz, uma plataforma onde você encontra empresas de todo o Brasil, e pode usar os filtros avançados para conseguir contatos de clientes para fazer prospecção. Nas mãos de uma empresa inteligente, essa ferramenta alavanca os resultados de qualquer negócio!

    Estabeleça boa comunicação dentro da empresa entre diferentes setores

    Uma das dicas de vendas que deve ser seguida por empresas inteligentes é a integração de diferentes setores. Por mais que cada setor tenha suas particularidades e modus operandi, cada um faz parte de um todo, que é o processo da empresa.

    Por exemplo, nas épocas em que o estoque está mais cheio com determinado produto, este setor deve comunicar ao de marketing e vendas sobre isso, para que o marketing prepare campanhas promocionais e os vendedores estejam prontos para lidar com mais clientes do que a média esperada todos os dias. Nesta hipótese, a comunicação é absolutamente responsável pelo aumento das vendas.

    A mesma noção de integrar setores pode ser transmitida para todas as fases e colaboradores do processo empresarial.

    Escute o cliente e lhe dê um canal de comunicação

    Se a satisfação do cliente é ligada ao sucesso das vendas, tenha certeza de que é preciso criar e manter canais para ouvi-lo constantemente. Faça pesquisas de satisfação, onde os resultados serão objeto de análise. Ao detectar problemas, crie logo estratégias para derrubá-los.

    Dessa forma, a sua empresa trabalha para construir uma experiência cada vez mais agradável ao consumidor, que começará por um produto ou serviço de qualidade para ir até uma relação além.

    Diante de todas as dicas de vendas apresentadas aqui, o mais importante é começar logo o trabalho. Certifique-se de seguir desde a primeira dica, que envolve estudo e planejamento, até os procedimentos de pós-venda e escuta dos clientes. Aos poucos, trabalhe cada uma das técnicas em seus setores de venda e marketing, e veja a sua empresa se tornar uma genuína máquina de conversões e clientes satisfeitos!

    Compartilhe:
    cnpj-biz-news

    cnpj-biz-newsletter

    Insights relevantes para auxiliar o crescimento da sua empresa:

      1 comentário em “Como vender mais em 2022? 9 Dicas de vendas para empresas inteligentes”

      1. Só dicas boas, Perfeito seu conteudo, Tem um software chamado: Programa PCG, esse programa é um agregador de sites de anuncios, nesse programa tem mais de 340 sites de classificados onde você pode anunciar de graça, usando o programa você pode fazer propaganda do seu produto de forma automática nesses 340 sites. Vale muito a pena usar, ele gera muitas visitas. Sempre uso esse programa para fazer anuncios. Fica ai a sugestão… Seu artigo foi de grande valor. Muito Grato por sua atenção.

        Responder

      Deixe um comentário

      logo-cnpj-biz-blog

      © 2022 CNPJ BIZ, Todos Direitos Reservados.

      Você já conhece nossas redes sociais?!